Perfumes: Os aromas da Química

Foi em 1921, há precisamente 100 anos, que o famoso químico Ernest Beaux criou o clássico Chanel N.º 5 - o primeiro perfume da era moderna que combina elementos naturais e sintéticos. Desde essa altura, a química ajudou a tornar mais sustentável a indústria dos perfumes.

Hidrogénio: o aliado do futuro

Os elevados custos ambientais pela utilização de combustíveis fósseis fazem emergir o potencial do hidrogénio. Em Portugal, há quem aposte nesta energia limpa, economicamente cada vez mais competitiva.

Plástico: os desafios do futuro

Leve, maleável, duradouro e barato. A invenção do plástico revolucionou a sociedade moderna, contribuindo para o desenvolvimento da Humanidade. Mas o abuso dos plásticos descartáveis tornou-se um enorme e grave problema ambiental, pedindo novas medidas e novos caminhos. E a indústria química está a fazer parte da solução.

A revelação de um elemento surpresa

Na tabela periódica é identificado como Cl 17. Para o mundo é conhecido como cloro e reconhecido como um importante desinfetante. Mas a história deste elemento químico natural tem muito mais sabor, até porque há sal envolvido

A Química do conforto

Quando Otto Bayer sintetizou o Poliuretano, em 1937, estava longe de imaginar o potencial da sua descoberta.

Os fertilizantes alimentam o mundo

A utilização dos fertilizantes pelo Homem, para melhorar a qualidade do solo, é tão antiga quanto a prática da agricultura, remontando ao Neolítico, há mais de doze mil anos.

1
2